top of page
  • Foto do escritorARQLIQ arquitetura

AFINAL, ONDE ENCAIXAMOS A SUSTENTABILIDADE NA ARQUITETURA?!

O ARQLIQ é um escritório de arquitetura situado na cidade de Juiz de Fora, e é um debate recorrente nos nossos projetos as questões de sustentabilidade. Mas queremos nesse texto extrapolar os limites da nossa cidade e falar de forma mais abrangente sobre o tópico.


Quando se fala em sustentabilidade na construção civil, muitas vezes nos deparamos com sistemas de reuso e energia solar ou estruturas repletas de certificações e tecnologias modernas, como se vidros especiais e sistemas de ar condicionado fizessem todo o trabalho.


predio de vidro

No entanto, esquecemos que sustentabilidade vai além disso, residindo nos detalhes, desde o planejamento cuidadoso do terreno até a escolha dos materiais e a implantação correta da edificação.

Separamos alguns pontos que o nosso ateliê se baseia para cada novo projeto, e que caracterizamos aqui como sustentáveis.


  • Respeito pela Topografia e Condicionantes Locais: Seguir a topografia do terreno e respeitar as condições locais (ventilação predominante e orientação solar) são passos fundamentais para uma construção sustentável. Isso permite uma integração harmoniosa com o ambiente circundante, preservando a integridade dos ecossistemas locais e reduzindo a dependência de sistemas de aquecimento e ar condicionado. O corte apresentado abaixo é da Casa Terra, e fica claro que o projeto surge a partir da topografia bem declive, respeitando o terreno natural e, com isso, produzindo pouca movimentação de terra.


corte de residencia em juiz de fora com conceitos sustentáveis



























  • Utilização de Mão de Obra e Materiais Regionais: Optar por mão de obra e materiais locais é uma escolha inteligente e sustentável. Isso reduz a necessidade de transporte de longa distância, diminuindo as emissões de carbono associadas e promovendo o desenvolvimento econômico da comunidade local.

  • Utilização de Materiais Pré Moldados: Os sistemas pré moldados, com concreto e aço, normalmente são mais certeiros, evitando assim erros que a construção convencional passa, e podem reduzir o desperdício de materiais durante o processo de construção e acelerar o processo do mesmo.


estrutura metálica é de rapida instalação em juiz de fora























  • Áreas Permeáveis: Se possível, deixar áreas permeáveis é essencial. Isso significa permitir que o solo absorva a água da chuva, contribuindo para a recarga dos lençóis freáticos e reduzindo o risco de enchentes e erosão. Além disso, proporciona um ambiente propício para o cultivo de plantas.


espaço de trabalho no centro de juiz de fora em meio as plantas


















  • Plantas: Além de melhorar a qualidade do ar, elas promovem o bem-estar psicológico das pessoas. Ambientes internos com plantas tendem a ter níveis mais baixos de estresse e oferecem uma sensação de calma.


  • Projeto que dialoga com o orçamento do cliente: Ao criar um projeto que dialoga com o orçamento do cliente há uma maior probabilidade de evitar desperdícios financeiros e garantir um uso eficiente dos recursos disponíveis. Isso pode resultar em uma construção mais econômica e financeiramente viável para o cliente.


Em resumo, um projeto arquitetônico sustentável vai além das tecnologias e certificações visíveis. Ele se baseia em práticas que promovem a preservação do meio ambiente, o bem-estar das pessoas e o desenvolvimento econômico local. 

Se você quer que a sua construção, reforma ou projeto seja sustentável considere esses aspectos essenciais para garantir um resultado verdadeiramente sustentável e integrado à comunidade. E se precisar de arquiteto em Juiz de Fora e região estamos prontos para te ajudar!


15 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page